O Refúgio Avalon conta com 3 trilhas ecológicas. Elas têm como objetivo promover de forma divertida a integração ambiental com os visitantes. Além disso, são consideradas um instrumento de educação ao ar livre; que visam à transmissão de conhecimentos e propiciam atividades que relevam os significados e as características do ambiente. Em grupos escolares, por exemplo, esta será usada para contar a história de Pirenópolis desde o ciclo do ouro, passando pela agricultura, extração de quartzito e finalmente o turismo.

Trilha do Labirinto – baixo grau de dificuldade; trajeto de 900 metros.

Formada por valas criadas pelos garimpeiros na época da extração de ouro (séc XIX), essa trilha conta com Estações de Reflexão, balanços/gangorra, mesas para piquenique, bancos e redário. Além disso, ela dá acesso à umas das maiores atrações da chácara: O Índio Nervoso.

Trilha do Resgate – baixo grau de dificuldade; trajeto de 300 metros.

Percurso que retrata o modo de locomoção das pessoas que viviam nas propriedades rurais da região antigamente: pulador/passador/ pega mulher, colchete, pinguelas e porteiras; e que ao seu final se encontra a Pedreira Desativada.

Trilha do Mirante – alto grau de dificuldade; trajeto de 1.400 metros.

Percurso com estações de contemplação com vista para Rio das Almas, paredões de até 30 metros de altura e a cidade de Pirenópolis.